Mês das crianças: dicas para levar os pequenos para pescar

Outubro está começando e nesse mês temos uma data comemorativa bastante importante: o Dia das Crianças. Durante essa época, várias escolas dão folga para os pequenos que, em alguns casos, acabam tendo uma semana toda livre das obrigações escolares. E que tal aproveitar essa data para fazer um programa diferente com os seus filhos? Se você gosta de pescar, já pensou em levar as crianças com você para uns dias de pescaria? Pois saiba que pescar com os pequenos é uma atividade completamente possível e que pode ser muito prazerosa. Por isso, reunimos aqui algumas dicas que podem te ajudar a levar seus filhos para a próxima pescaria.

1. Lembre-se que a pescaria é um momento de integração com seus filhos:

O primeiro aspecto a se levar em consideração na hora de planejar uma pescaria com as crianças, é entender que essa é uma ótima oportunidade de integrar a família. Por isso, planeje a viagem com calma, certifique-se que os pequenos irão ficar confortáveis no local que você escolheu para pescar e aproveite o momento para ensinar lições quanto a preservação da natureza, paciência e integração com o meio ambiente. Um dia de pescaria pode ensinar muito do que apenas como pescar peixes.

2. Divirta-se bastante:

Se essa for a primeira vez que você está levando os seus filhos para pescar, você tem que lembrar que o mais importante de tudo é garantir que eles estão se divertindo. Pode ser que na primeira vez eles não entendam tão bem assim como se faz para pegar um peixe, mas não se preocupe: se as crianças se divertirem enquanto aprendem a pescar, com certeza elas vão querer voltar mais vezes.

3. Tenha muita paciência:

Quando a gente entende muito sobre determinada coisa, às vezes ficamos um pouco impacientes ao ver pessoas menos experientes cometendo erros bobos. Mas na hora de ensinar seus filhos a pescar, deixe a impaciência um pouco de lado. Explique com calma cada etapa do processo e não se estresse ao perceber que eles estão segurando a vara da maneira errada, ou colocando as iscas da maneira incorreta. Sabendo explicar tudo com carinho e cuidado, com certeza as crianças irão pegar o jeito rapidinho.

4. Use os equipamentos corretos:

Equipamentos de pesca podem ser um pouco complicados e até perigosos para as crianças que podem acabar se machucando com iscas ou anzóis. Para que nenhum imprevisto aconteça, investir em equipamentos de pesca específicos para o público infantil pode ser uma boa ideia. Com varas, iscas e anzóis desenvolvidos especialmente para a idade deles, pescar se torna uma atividade muito mais simples.

5. Escolha um local adequado:

Com certeza levar as crianças para pescar pela primeira vez num barco em alto mar não seria a melhor alternativa, não é? Se você quer levar seus filhos para pescar com você, opte por locais mais calmos, onde a pescaria seja mais fácil. Lembre-se que você precisará ensinar os pequenos a pescar e eles ficarão muito mais animados para se tornarem seus parceiros de pescaria se chegarem ao menos perto de pegar um peixe durante a empreitada.

Se você está procurando um bom lugar para ir pescar com os seus filhos durante o mês de outubro ou em qualquer outra época do ano, a Represa Capivara, na região de Primeiro de Maio pode ser o que você está procurando. Repleta de pesqueiros, pesque-pagues e perfeita para a prática da pescaria, a represa às margens do rio paranapanema recebe pescadores de todas as regiões do país e ainda é um ótimo lugar para quem está pensando em investir. Visite nosso site e saiba mais sobre a região e nossos empreendimentos.

0Não possui comentário

Deixe um comentário

2 × cinco =

Represa Capivara

Pensando na importância que esse lago representa para esta região, resolvemos criar um Blog cujo objetivo será manter informados todos os interessados na Represa Capivara, desde as populações que habitam as margens da represa até os que a frequentam no fim de semana, para pesca, turismo ou simples contemplação.